Vitralizado

Posts com a tag Vitralizado Mês

Cinema / HQ / Séries

Vitralizado #80 – 05.2019

Maio de 2019 foi o 80º mês de existência do Vitralizado. Número redondo celebrado à altura com entrevistas com Adrian Tomine, Érico Assis, Panhoca, Ing Lee e Emily Carroll, além de mais um monte de material exclusivo que você só encontra por aqui. Sem mais delongas, segue o baile e vamos logo pra junho porque já tenho umas pérolas pra compartilhar em breve. Apresento a seguir sumário com os principais posts do blog ao longo dos 31 dias de maio:

(a arte do Adrian Tomine que abre o post foi tirada lá do site da revista The Atlantic – aliás, leia a matéria do link, tremenda a história)

*Entrevistei o quadrinista Adrian Tomine sobre a edição brasileira de Killing and Dying, publicada por aqui pela Nemo com o título Intrusos. Essa conversa virou matéria pro jornal O Globo. A íntegra da conversa tá aqui;

*Bati um papo com o Érico Assis sobre o Catálogo HQ Brasil, parceria da Bienal de Quadrinhos de Curitiba com a Embaixada do Brasil em Portugal;

*Outra conversa boa foi com a Ing Lee, um grande novo talento dos quadrinhos brasileiros e autora da ótima Karaokê Box;

*O Panhoca publicou uma nova Revista Pé-de-Cabra – com uma tremenda capa da Emilly Bonna, diga-se de passagem – e troquei uma ideia com ele sobre essa segunda edição;

*E também conversei com a Emily Carroll, autora do ótimo A Floresta dos Medos, publicado por aqui pela DarkSide Books;

*Eu, o André e o Jairo retomamos as atividades do Escafandro Podcast e tivemos três atualizações nas últimas semanas: uma dedicada a Vingadores: Ultimato, uma sobre o fim de Game of Thrones e outra tratando de John Wick 3;

*O João B. Godoi continua ativo por aqui com as atualizações da série Je Suis Cídio. Em maio foram cinco novas edições, sendo duas delas com convidados especiais: Kainã Lacerda e Carlos Carcassa;

*Dei duas dicas boas de podcast vindas lá do The Virtual Memories Show: uma entrevista com o Seth e outra com a Nina Bunjevac;

*E três rapidinhas que achei demais: dei um toque procê assinar logo a newsletter do Adão Iturrusgarai, mostrei uma capa nova do Tom Gauld pra New Yorker e chamei atenção pro anúncio da francesa Éditions Cornélius para próximo álbum do Charles Burns.

>> Veja o que rolou no Vitralizado #79 – 04.2019;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #78 – 03.2019;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #77 – 02.2019;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #76 – 01.2019;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #75 – 12.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #74 – 11.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #73 – 10.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #72 – 09.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #71 – 08.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #70 – 07.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #69 – 06.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #68 – 05.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #67 – 04.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #66 – 03.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #65 – 02.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #64 – 01.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #63 – 12.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #62 – 11.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #61 – 10.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #60 – 09.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #59 – 08.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #58 – 07.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #57 – 06.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #56 – 05.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #55 – 04.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #54 – 03.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #53 – 02.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #52 – 01.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #51 – 12.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #50 – 11.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #49 – 10.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #48 – 09.2016.

Cinema / HQ / Séries

Vitralizado #79 – 04.2019

Aquele monte de bons lançamentos que eu comentei por aqui no mês de março não faz muito bem pra ninguém: as editoras brigam por espaço em estantes de livrarias e pela atenção dos leitores, a maior parte dos leitores não dá conta de ler tudo de bom que é publicado e os produtores de conteúdo não conseguem tratar de tudo o que gostariam. Eu começo o 79º mês de existência do Vitralizado ainda tentando colocar em dia muitas das minhas leituras de março e abril e sei lá se é possível… Enquanto isso, deixo o sumário com os destaques do blog nos últimos 30 dias. Saca só:

*A primeira entrevista do blog em maio foi com o quadrinista Rodrigo Okuyama (autor da arte que ilustra o post). Ele falou sobre Brasil.exe, 18ª edição da coleção Ugritos e uma das HQs brasileiras mais interessantes de 2019 até o momento;

*Depois eu conversei com a quadrinista Aline Zouvi sobre a exposição Solstício, na 9ª Arte Galera, em São Paulo;

*A terceira entrevista do mês foi com a quadrinista Aline Lemos, autora de Artista Brasileiras – ótimo título de 2018 que parece só estar ganhando a devida atenção em 2019;

*Viu os indicados ao Prêmio Dente de Ouro 2019? Eu componho o júri da premiação na categoria Quadrinhos junto com o quadrinista Heron Prado e a jornalista/ pesquisadora/ tradutora Dandara Palankof. O anúncio do título vencedor rola durante a Feira Dente 2019, dia 8 de junho, em Brasília;

*Em abril de 2019 morreu uma das maiores lendas dos quadrinhos mundiais, o roteirista Kuzuo Koike (1936-2019), coautor de títulos como Samurai Executor, Lady Snowblood, Crying Freeman e Lobo Solitário;

*O quadrinista João B. Godoi publicou por aqui mais duas atualizações da série Je Suis Cídio;

*O quadrinista Derf Backderf divulgou uma prévia de Kent State: Four Dead in Ohio. O próximo trabalho do autor de Meu Amigo Dahmer chega às livrarias dos EUA em abril de 2020;

*Viu que foi anunciado o título da próxima publicação do Charles Burns, né? Free Shit reúne uma série de trabalhos curtos inéditos do autor de Black Hole;

*E esse cartaz do Seth pro TCAF 2019?;

*A editora Companhia das Letras divulgou a capa assinada por Richard McGuire, autor de Aqui, para a nova edição brasileira de O Jogo da Amarelinha, de Julio Cortázar;

*Duas rapidinhas tiradas do Tumblr: o crachá da San Diego Comic Con assinado pelo Chris Ware e essas artes assinadas pelo Daniel Clowes para o mascote da loja Meltdown Comics.

>> Veja o que rolou no Vitralizado #78 – 03.2019;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #77 – 02.2019;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #76 – 01.2019;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #75 – 12.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #74 – 11.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #73 – 10.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #72 – 09.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #71 – 08.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #70 – 07.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #69 – 06.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #68 – 05.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #67 – 04.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #66 – 03.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #65 – 02.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #64 – 01.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #63 – 12.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #62 – 11.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #61 – 10.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #60 – 09.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #59 – 08.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #58 – 07.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #57 – 06.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #56 – 05.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #55 – 04.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #54 – 03.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #53 – 02.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #52 – 01.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #51 – 12.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #50 – 11.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #49 – 10.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #48 – 09.2016.

Cinema / HQ / Séries

Vitralizado #78 – 03.2019

Dia desses escrevi aqui no Vitralizado sobre os vários bons quadrinhos que chegaram às bancas e livrarias brasileiras em março. Me limitei aos destaques, os títulos que considero mais interessantes, e ainda assim é coisa pra caramba. Não cheguei nem perto de escrever sobre tudo o que li – e olha que queria ter lido bem mais. Enfim, o ano finalmente começou e nos próximos dias ainda devo comentar mais uma ou outra publicação desse março agitado que ficou pra trás. Enquanto isso, deixo com você o sumário do 78º mês de existência do blog. Saca só:

(Peguei emprestada a arte que abre o post lá no blog do Lelis)

*Repito a pergunta do post mais lido das últimas semanas: você deu conta de ler todos os bons quadrinhos publicados em maço de 2019?;

*Um desses lançamentos fora da curva de março foi Luzes de Niterói, de Marcello Quintanilha. O livro chega às livrarias já como candidato potencial às primeiras posições em muitas listas de melhores do ano no final de 2019. Escrevi sobre a HQ pro jornal Folha de São Paulo e depois publiquei por aqui a íntegra da minha entrevista com o autor;

*Também entrevistei a quadrinista Emilly Bonna, sobre Esgoto Carcerário, primeiro HQ do selo Escória Comix no ano;

*Escrevi pro portal UOL sobre o fim do período de mais de 20 anos do quadrinista Mike Deodato Jr. com a Marvel e o anúncio de Berserker Unbound, projeto dele com o badalado Jeff Lemire, que será publicado pela Dark Horse nos EUA e pela Mino no Brasil;

*Cê viu esse prévia da nova parceria do mineiro Lélis com o francês Antoine Ozanam? Depois do excelente Goela Negra, eles agora lançam Popeye. Quando sai por aqui?;

*Ainda sobre lançamentos: conversei com o editor Bruno Dorigatti sobre os quadrinhos que deverão sair pela DarkSide Books ao longo dos próximos meses. Muita coisa boa;

*Demais o texto do Érico Assis sobre o título da edição brasileira de Killing & Dying, Intrusos em português – primeiro álbum solo do quadrinista Adrian Tomine publicado no Brasil. Falando em Tomine, viu a arte dele pra um texto sobre o filme Gloria Bell, publicado na New Yorker? Aliás, ainda sobre o Tomine,… Peraí que logo mais volto a falar sobre ele;

*Publiquei quatro novas atualizações de Je Suis Cídio, série do quadrinista João B. Godoi. Tá beeem massa esse projeto, viu?;

*Lindona a capa da Little White Lies #79;

*Pra encerrar, um registro: participei de um papo sensacional com Emilio Fraia e Amanda Miranda Paschoal, na loja Monstra, aqui em São Paulo, sobre Minha Coisa Favorita é Monstro, de Emil Ferris. Foi demais.

>> Veja o que rolou no Vitralizado #77 – 02.2019;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #76 – 01.2019;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #75 – 12.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #74 – 11.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #73 – 10.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #72 – 09.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #71 – 08.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #70 – 07.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #69 – 06.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #68 – 05.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #67 – 04.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #66 – 03.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #65 – 02.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #64 – 01.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #63 – 12.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #62 – 11.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #61 – 10.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #60 – 09.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #59 – 08.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #58 – 07.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #57 – 06.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #56 – 05.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #55 – 04.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #54 – 03.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #53 – 02.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #52 – 01.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #51 – 12.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #50 – 11.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #49 – 10.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #48 – 09.2016.

Cinema / HQ / Séries

Vitralizado #77 – 02.2019

Lembra que eu tinha prometido um fevereiro intenso aqui no Vitralizado? Pois é. Rolou não apenas a quarta edição do Prêmio Grampo, cada vez mais sacramentado como o grande prêmio da crítica brasileira de quadrinhos, como uma série de posts dedicados à quadrinista Emil Ferris e ao lançamento de Minha Coisa Favorito é Monstro no Brasil. Em suma: as melhores HQs do ano passado com uma já candidata a melhor de 2019. E vida que segue, pois março também promete. A seguir, a sumário com o que foi o 77º mês de existência do blog. Ó:

(A arte que abre o post é uma das páginas de Minha Coisa Favorita é Monstro, de Emil Ferris, publicado no Brasil pela Companhia das Letras)

*Eu, Lielson Zeni e Maria Clara Carneiro anunciamos no dia 2 de fevereiro, na loja da Ugra, aqui em São Paulo, os vencedores do Prêmio Grampo 2019. Ayako (Veneta), de Osamu Tezuka, ficou com o Grampo de Ouro; A Arte de Charlie Chan Hock Chye (Pipoca & Nanquim), de Sonny Liew, ficou com o Grampo de Prata; e Eles Estão Por Aí (Todavia), de Bianca Pinheiro e Greg Stella, ficou com o Grampo de Bronze. Você confere aqui as 86 obras listas e aqui os rankings individuais de cada um dos 20 jurados. Também revelamos os vencedores do Prêmio UGrampo, homenagem a quadrinistas com vozes enfáticas de resistência em período de conservadorismo aflorado – os vencedores foram Laerte, Lafa e Diego Gerlach. O jornalista Carlos Neto filmou a premiação e publicou esse registro lá no Papo Zine. Já assistiu?;

*Pode anotar aí: Minha Coisa Favorita é Monstro estará em muitas listas de melhores quadrinhos lançados em 2019 e é candidato potencial a ocupar um lugar na lista de grandes cânones das HQs mundiais. Eu troquei vários emails com a autora da obra, Emil Ferris, ao longo do ano passado e transformei essas conversas em matéria publicada no jornal Folha de São Paulo. O meu texto teve como foco o lançamento da edição brasileira de Minha Coisa Favorita, pela Companhia das Letras. A íntegra da minha entrevista com a quadrinista você lê aqui. Coincidentemente, foi divulgado recentemente o cartaz do 2020 MSU Comics Forum, com arte de Ferris;

*Compartilhei por aqui a capa de Rusty Brown, próximo trabalho do quadrinista Chris Ware, com lançamento previsto para setembro. Incluí no post a tradução feita pelo Érico Assis pra sinopse da obra e dos textos presentes na capa da obra;

*O quadrinista João B. Godoi está estudando quadrinhos em Angoulême e publicou por aqui as duas primeiras edições da série Je Suis Cídio, sobre a rotina dele na cidade francesa. A primeira edição tá aqui e a segunda aqui;

*Dei continuidade à minha série de entrevistas com editores nacionais com uma conversa com Rodrigo Rosa, sócio e editor da Figura, sobre os planos do selo para 2019;

*Também conversei com o editor/quadrinista Sergio Chaves, responsável pela revista Café Espacial. Ele falou sobre a chamada que ele abriu para autores interessados em publicar na 17ª edição da revista;

*Duas rapidinhas: os realizadores do ELCAF anunciaram o quadrinista Jon McNaught como um dos convidados e autor do cartaz da edição de 2019 da convenção e os organizadores do TCAF revelaram que o Junji Ito é um dos convidados da festival em 2019 e assina a arte do cartaz do evento.

>> Veja o que rolou no Vitralizado #76 – 01.2019;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #75 – 12.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #74 – 11.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #73 – 10.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #72 – 09.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #71 – 08.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #70 – 07.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #69 – 06.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #68 – 05.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #67 – 04.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #66 – 03.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #65 – 02.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #64 – 01.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #63 – 12.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #62 – 11.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #61 – 10.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #60 – 09.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #59 – 08.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #58 – 07.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #57 – 06.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #56 – 05.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #55 – 04.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #54 – 03.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #53 – 02.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #52 – 01.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #51 – 12.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #50 – 11.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #49 – 10.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #48 – 09.2016.

Cinema / HQ / Séries

Vitralizado #76 – 01.2019

O Vitralizado funcionou no mês de janeiro de ressaca da retrospectiva de dezembro e frenético nos bastidores da organização do Prêmio Grampo. Ainda assim, o mundo não para e nas últimas semanas você encontrou por aqui conversa com editores de quadrinhos, novidades sobre o meu novo curso e outros conteúdos exclusivos que só dão as caras por essas bandas de cá. Antes de deixar você com o sumário do blog em seu 76º mês de existência, reitero o convite para a cerimônia do Grampo 2018 – amanhã, na Ugra, a partir das 16h! A seguir, o janeiro do Vitralizado.

(A arte que abre o post é da quadrinista israelense Rutu Modan e foi tirada dessa entrevista aqui pro AI-AP.com)

*Anunciei os nomes dos 20 membros do júri do Prêmio Grampo 2019, só gente massa. A cerimônia rola amanhã, 16h, na loja da Ugra, aqui em São Paulo. Já confirmou presença na página do evento no Facebook?;

*Ainda estão abertas as inscrições para o curso Os Ciclos Produtivos das HQs Brasileiras 2019, lá no Sesc Pompeia. As aulas rolam entre os dias 12 e 15 de fevereiro, sempre das 15h às 17h. Com a participação especial de Wagner Willian, Raquel Vitorelo, Guilherme Kroll e Douglas Utescher. Fica o aviso: agora as inscrições podem ser feitas apenas na Central de Atendimento do Sesc. E repara na belezura de cartaz assinado pelo quadrinista Magenta King pro evento;

*Aliás, ainda no Sesc Pompeia: na próxima 3ª (5/2) eu vou mediar por lá uma conversa chamada Quadrinhos tipo Exportação, com a presença dos quadrinistas Ivan Reis e Will Conrad;

*Conversei com o editor Emilio Fraia sobre os planos do selo de quadrinhos da Companhia das Letras para 2019. Por enquanto ele prometeu Emil Ferris, André Dahmer e Caco Galhardo, mas deu deixa pra vários possíveis lançamentos para os próximos meses;

*O Guilherme Kroll fez algumas análises sobre a crise do mercado editoral e como as publicações da Balão Editorial se fazem presentes nesse contexto;

*O Claudio Martini prometeu a edição especial número 10 de Macanudo em português pela Zarabatana Books e deixou no ar a possibilidade de algumas surpresas para 2019;

*O Rogério de Campos disse que a Veneta publica no primeiro semestre de 2019 o livro novo do Marcello Quintanilha, o segundo volume de Hip Hop Genealogia e as HQs novas de Juscelino Neco e Camilo Solano;

*Quatro rapidinhas: o Nick Sousanis divulgou no blog dele duas páginas da continuação de Desaplanar; o Chris Ware assinou um retrato do Nick Drnaso para um perfil do autor de Sabrina publicado na New Yorker; abriram (e já fecharam) as inscrições para a edição de 2019 do Prêmio Dente de Ouro (do qual sou um dos jurados na categoria Quadrinhos); e a capa da Little White Lies #78 é dedicada ao filme Se a Rua Beale Falasse.

>> Veja o que rolou no Vitralizado #75 – 12.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #74 – 11.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #73 – 10.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #72 – 09.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #71 – 08.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #70 – 07.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #69 – 06.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #68 – 05.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #67 – 04.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #66 – 03.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #65 – 02.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #64 – 01.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #63 – 12.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #62 – 11.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #61 – 10.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #60 – 09.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #59 – 08.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #58 – 07.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #57 – 06.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #56 – 05.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #55 – 04.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #54 – 03.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #53 – 02.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #52 – 01.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #51 – 12.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #50 – 11.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #49 – 10.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #48 – 09.2016.

Cinema / HQ / Séries

Vitralizado #75 – 12.2018

E aí! Tô aqui, de volta, de leve e sem pressa. Em breve as coisas ficam agitadas com novidades sobre o Prêmio Grampo 2019 e alguns projetos paralelos do blog, mas uma coisa de cada vez. Dou início às atividades do Vitralizado em 2019 com o sumário do que rolou de mais importante no último mês de 2018. O foco de dezembro foi a retrospectiva dos 12 meses anteriores, mas também teve espaço para entrevistas que você só encontra por aqui. A seguir, os principais destaques do 75º mês de existência do site:

(A arte que abre o post é de Buda, do Osamu Tezuka. Tirei ela lá do Osamu Tezuka’s Panels)

*A Retrospectiva Vitralizado 2018 foi composta por 39 posts. Nela eu lembrei as minhas leituras de quadrinhosmais marcantes do ano passado, comentei alguns ocorridos e chamei atenção para os principais posts do blog em 2018;

*Publiquei por aqui a íntegra da minha entrevista com o quadrinista americano Jeff Smith, autor de Bone. No papo ele falou sobre a origem do quadrinho e a decisão de relançar a série em cores – versão que teve o primeiro de três volumes publicados por aqui pela Todavia;

*Também bati um papo com Clarice G. Lacerda, Ing Lee e Maria Trika, editoras da revista A Criatura, primeira publicação do selo A Zica;

*Entraram no ar os dois últimos posts da série Thiago Souto e a Av. Paulista, na qual o quadrinista comenta as inspirações dele que resultaram em Por muito tempo tentei me convencer de que te amava, HQ publicada pela Balão Editorial e na qual eu trabalhei como editor. Aliás, fica o registro: o quadrinho foi lançado na Ugra no dia 15 de dezembro, com mediação do jornalista Thiago Borges;

*Você leu o especial com os autores da revista Porta do Inferno? Eu entrevistei o editor/quadrinista Lobo Ramirez e ele deu continuidade à conversa com breves entrevista com os outros cinco artistas da publicação.

>> Veja o que rolou no Vitralizado #74 – 11.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #73 – 10.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #72 – 09.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #71 – 08.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #70 – 07.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #69 – 06.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #68 – 05.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #67 – 04.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #66 – 03.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #65 – 02.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #64 – 01.2018;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #63 – 12.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #62 – 11.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #61 – 10.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #60 – 09.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #59 – 08.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #58 – 07.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #57 – 06.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #56 – 05.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #55 – 04.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #54 – 03.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #53 – 02.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #52 – 01.2017;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #51 – 12.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #50 – 11.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #49 – 10.2016;
>> Veja o que rolou no Vitralizado #48 – 09.2016.