Vitralizado

HQ

Orbital Comics: a loja de quadrinhos do centro de Londres

Orbital1

No universo das lojas de quadrinhos de Londres, pra mim a Orbital Comics é o extremo oposto da Forbidden Planet. A comicshop fica ao lado da estação Leicester Square do metrô, no número 8 da rua Great Newport. Não espere nada óbvio e didático, dedicado para leigos, como na rede Forbidden Planet. A Orbital é voltada para leitores de quadrinhos e não é o lugar onde você vai encontrar brinquedos/estátuas/chaveiros/camisas e outras tranqueiras tão comuns em outras lojas do tipo. Até tem, mas o foco é nos gibis. Logo na entrada da Orbital há essa imenso conjunto de seis prateleiras dedicadas aos lançamentos mais recentes. As revistas ficam divididas entre as edições recém-lançadas e as mais antigas, até pouco um mais de um mês do lançamento. Em frente a essas prateleiras ficam o caixa da loja e ao lado uma parede com os encadernados mais novos.

Orbital2

Com o tempo, as revistas que não são vendidas vão paras as caixas da próxima foto. Elas ocupam o espaço maior da loja, só com revistas mais antigas. É um corredor bem grande com edições de vários anos. Esse espaço é dedicado quase integralmente aos quadrinhos de grandes editoras dos Estados Unidos e da Inglaterra. Talvez seja sensacional para colecionadores em busca de alguma edição avulsa perdida. Quando visito a loja nunca passo muito tempo ali. Meu lugar preferido é uma sala anexa a esse corredor, dedicado aos quadrinhos independentes, que também tem revistas infantis. No momento está abarrotado de obras dedicados a Hora da Aventura.

Orbital3

A próxima imagem mostra essa sala com os gibis independentes e/ou alternativos. Dá pra encontrar muita coisa antiga e lançamentos por lá, coletâneas e edições individuais. A oferta do gênero é bem melhor que na Forbidden Planet, por exemplo. Na minha última visita vi umas edições em inglês de O Beijo Adolescente, do Rafael Coutinho. Tá cheio de Adrian Tomine, Chris Ware, Craig Thompson, Jeffrey Brown e mais um monte de gente nova que dá pra descobrir por lá. No canto da sala fica a parte mais interessante, um estante só com quadrinhos independentes, algumas com tiragens bastante limitadas e numero de impressão presente nas edições.

Orbital4

O último pedaço da Orbital nem sempre está aberto. É uma pequena galeria reservada para exposições. No momento está exibindo uma série de artes originais da quadrinista Liz Prince, com todas a venda. Em suma: vale muito a visita. Tem muito mais cara de loja de quadrinho do que a Forbidden Planet. Mas caso você não seja nenhum expert, pense duas vezes. Por mais simpáticos que os funcionários sejam, não é muito comum ver algum deles conversando com os clientes e oferecendo alguma ajuda.

Orbital6

5 comentários Orbital Comics: a loja de quadrinhos do centro de Londres

      1. Victor

        Também curti muito, achei-a supersimpática e gostei da variedade de títulos (foi lá que comprei o mangá Solanin, da Viz – que a Forbidden Planet, daquele tamanhão, não tinha).

        Reply

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: