Vitralizado

Posts por data dezembro 2017

HQ / Matérias

Naoki Urasawa, Osamu Tezuka e as origens do mangá Pluto

Eu escrevi para o UOL uma matéria sobre o lançamento de Pluto no Brasil. O mangá assinado pelo quadrinista Naoki Urasawa foi aclamado e premiado em vários países, inclusive com o Prêmio Intergeracional, dedicado a publicações para todas as idades, do tradicional Festival Internacional de Quadrinhos de Angoulême, na França, em 2011. O gibi é uma adaptação de O Maior Robô da Terra, arco de histórias do clássico Astro Boy, obra-prima do maior autor de quadrinhos japoneses de todos os tempos, o mangaká Osamu Tezuka (1928-1989).

Procurei algumas entrevistas com Urasawa e críticas sobre o quadrinho pra escrever o meu texto e gosto muito de uma frase sobre a obra que encontrei numa lista da Rolling Stone norte-americana dedicada a 50 HQs não protagonizadas por super-heróis. Ó que massa: “A obra não faz para o trabalho de Tezuka o que a versão de Jimi Hendrix para a canção ‘All Along the Watchtower’ fez para a música do Bob Dylan, mas é quase isso”. Minha matéria você lê aqui e o mangá, publicado pela Panini, você ainda acha fácil nas bancas.

PS: Aproveito o post pra encerrar as atividades do blog em 2017! Provavelmente retomo as atividades a partir da segunda semana de janeiro. Até lá!

HQ

## Retrospectiva Vitralizado 2017 ## Galvão Bertazzi e Um Ano Inteiro

Estamos às vésperas do encerramento da grande saga dos quadrinhos brasileiros em 2017. Aguardo ansiosamente pelo dia 31 de dezembro de 2017 para ver a publicação da 365ª edição da série Um Ano Inteiro, projeto do quadrinista Galvão Bertazzi publicado diariamente ao longo dos últimos 12 meses no Instagram e no Facebook do autor. Recomendo uma lida na minha entrevista com o autor da série, feita lá no início do ano, pra sacar um pouco de como essa empreitada teve início. Torço muito para o início da Mais Um Ano Inteiro lá no dia 1º de janeiro de 2018.

HQ

## Retrospectiva Vitralizado 2017 ## Alan Moore, Providence, Tom Strong, Um Pequeno Assassinato e Promethea

E esse monte de quadrinho do Alan Moore publicado no Brasil em 2017? O ano chega ao fim com a Panini colocando nas livrarias o segundo volume das duas edições definitivas de Promethea, tendo lançado o sexto e último encadernado de Tom Strong e a primeira edição de Providence. Já a Pipoca & Nanquim lançou o até então inédito por aqui Um Pequeno Assassinato. Me diverti muito com Tom Strong e gostei muito de de Um Pequeno Assassinato. Confesso ter ficado um pouco decepcionado com Providence, mas a série ainda não chegou ao fim, então é cedo pra qualquer conclusão. Já Promethea tá entre os melhores trabalhos do quadrinista inglês.

HQ

## Retrospectiva Vitralizado 2017 ## Naoki Urasawa e Pluto

Eu confesso ter ficado um pouco decepcionado com o final de 20th Century Boys, mangá do Naoki Urasawa publicado pela Panini no Brasil. Ainda assim, acho espetacular como ele conseguiu incluir um cliffhanger mais fantástico do que o outro ao final de cada edição da série. Eu sabia do culto em torno de Pluto, trabalho dele recém-publicado no Brasil que adapta um arco de Astro Boy do Osamu Tezuka, mas gostei ainda mais do que esperava do primeiro número da coleção. Essa edição de estreia da série é provavelmente o último grande lançamento de quadrinhos no país em 2017 e me deixou bastante empolgado pelos próximos sete números.

HQ

## Retrospectiva Vitralizado 2017 ## Escória Comix e Úlcera Vórtex

Nenhum título me surpreendeu mais em 2017 do que o excelente Úlcera Vórtex, trabalho do quadrinista Victor Bello publicado pela Escória Comix. Além de rir pra caramba com as pirações da trama insólita concebida pelo artista, eu fiquei realmente preso ao enredo protagonizado pelo já lendário Adriano Gás. Um puta quadrinho, um dos mais indispensáveis desse ano e uma tremenda aposta certa da Escória. Aliás, tá bem legal o trabalho do editor Lobo Ramirez no selo. Em 2017 a Escória ampliou seu catálogo em dez publicações: foram lançados os dois volumes de Úlcera Vórtex e também Rogéria # 3, Onda de Crime, NOIA – Uma Historia de Vingança, Wilson Lanchão # 1, Wilson Lanchão #2- A origem da Doidera, Tatuagem – Feia & Trota e Heavy Metal Porno Holocausto – I.

>> Você leu sobre a Escória Comix e a Úlcerá Vórtex no Vitralizado aqui e aqui.

HQ

## Retrospectiva Vitralizado 2017 ## Felipe Parucci e Já Era

O ótimo Apocalipse, Por Favor de 2015 já havia sido uma estreia grandiosa do quadrinista Felipe Parucci. Quase dois anos depois, em 2017, ele lançou o excelente Já Era. É mais um título que esteve entre as minhas leituras preferidas do ano e uma crítica enfática ao consumismo e a toda vacuidade de uma sociedade formatada a partir de imagem e comércio. Me impressiona a eficácia da narrativa do autor e como ele faz bom uso de clichês.

>> Você confere tudo publicado sobre Já Era no Vitralizado aqui.