Vitralizado

Posts por data Fevereiro 2015

HQ

A entrevista de Alan Moore pra Mustard

O Alan Moore deu uma entrevistona pra revista Mustard ano passado e, agora que a edição esgotou, subiram para o site da publicação. Tá lá na íntegra e recomendo fortemente uma investida na conversa. Bem massa. Um trechinho que achei divertido no qual ele comenta sobre como não gosta de colocar seus trabalhos dentro de gêneros específicos:

I think that genre was something made up by some spotty clerk in WH Smiths in the 1920s to make his worthless fucking job a little bit easier for him: “it’d be easier if these books said what they were about on the spine”. My experience of life is that it is not divided up into genres; it’s a horrifying, romantic, tragic, comical, science-fiction cowboy detective novel. You know, with a bit of pornography if you’re lucky.

 

HQ

Histórias do passado e do futuro, por xkcd

Ok…essa é daquelas maluquices épicas que volta e meia o Randall Munroe publica lá no xkcd e vale o registro por aqui. Passe o dia digerindo a quantidade de informação que ele colocou nesse quadro, que mostra principalmente a relação entre a data de publicação/lançamento de alguns clássicos da ficção e o período no qual eles estão ambientados. Foda.

Cinema / Marvel

Mais um pôster para Vingadores: Era de Ultron

Vingadores 2 tá quase aí. Meu problema com esse filme é que ele já tá começando a ficar velho, acha não? Fico com a impressão que já tá todo mundo mais interessado no terceiro Capitão América, com a chegada do Homem-Aranha na Marvel, do que nesse confronto com o Ultron. Também tô cada vez mais curioso em relação a como esse filme se encaixa no cenário maior e cósmico do Universo Marvel. Parece que o Ultron foi produzido com tecnologia alienígena esquecida na Terra no primeiro filme, mas não muito além disso. De qualquer forma, assim como o segundo Batman do Christopher Nolan foi o melhor dos filmes dele com o Cavaleiro das Trevas sendo uma história totalmente desligada da trama sobre a Liga das Sombras, Era de Ultron pode quebrar tudo e ser o mais redondo e dramático dos filmes da Marvel. Sem contar o Visão do Paul Bettany…ninguém tá dando muita bola pro cara, mas acho que pode muito roubar a cena viu? Dia 23 de abril teremos as respostas pra isso tudo.

Cinema

Os filmes de Richard Linklater

Em 2013 entrevistei o jornalista Matt Zoller Seitz, autor do livro The Wes Anderson Collection e editor do site do Roger Ebert. Perguntei como ele achava que os filmes do Wes Anderson seriam lembrados daqui 50 anos. O raciocínio completo dele tá aqui, mas a resposta terminava assim: “Eu odiaria pensar nele como um daqueles diretores que apenas aos 99 anos ganha um Oscar honorário já numa cama de hospital e com um respirador”. Depois de Birdman deixar Boyhood e O Grande Budapest Hotel pra trás no Oscar, acho que aumenta bastante a tendência de isso acontecer, não só com o Wes Anderson, mas também com o Richard Linklater. Os dois filmes não ficariam melhores por causa de um Oscar, mas acredito que seria um reconhecimento mais que merecido pelas singularidades dos trabalhos de ambos. De qualquer forma, como bem diz esse texto aqui que o André me mostrou, daqui uns anos, ninguém vai lembrar do Oscar de 2015, mas todo mundo vai se lembrar de Boyhood – e também de Budapeste, acho. Pensei nisso tudo enquanto via essa homenagem em vídeo aos filmes de Richard Linklater. Ele é outro que também considero mó privilégio poder acompanhar ao vivo o crescimento de sua filmografia. Ó:

Cinema / Revistas

Little White Lies #58: While We’re Young

E a capa do número 58 da minha revista preferida de cinema ficou com o filme novo do diretor Noah Baumbach, While We’re Young. Os editores da Little White Lies escolheram o rosto de Adam Driver pra estampar a segunda edição de 2015 da publicação. Lembrando que a produção é a primeira de Baumbach em seguida ao grande Frances Ha. Se for metade do que foi a obra estrelada pela Greta Gerwig, já vai matar a pau. Ó o trailer:

Cinema

A fórmula da BBC para o Oscar 2015

A BBC quebrou tudo e fez o infográfico definitivo com as produções concorrentes ao Oscar de Melhor Filme em 2015. De acordo com a fórmula deles, que leva em conta os padrões dos longas vencedores nos últimos 50 anos, dá Hotel Budapeste, mas até os autores da brincadeira devem achar limitadas as chances disso acontecer. Meu preferido é Boyhood, mas aposto em Birdman. Descobri a obra da BBC pelo Daniel (valeu!). Ó que foda:

OscarBBC1

OscarBBC2

OscarBBC3-639x1024

OscarBBC4-617x1024

OscarBBC5

Chris Ware / HQ

Uma hora de conversa com Chris Ware sobre quadrinhos e arte

O Chris Ware foi um dos convidados de um painel sobre quadrinhos e arte realizado em Chicago no início de fevereiro. A conversa foi gravada e está na íntegra na internet. O encontro e a filmagem são de responsabilidade da Pentimenti Productions, uma ONG de Chicago voltada à produção de documentários sobre arte. Já disse e repito: temos um tremendo privilégio de sermos contemporâneos de Chris Ware nesse mundo. Dá o play, cara:


Notice: Undefined index: email in /home/vitralmanager/vitralizado.com/wp-content/plugins/simple-social-share/simple-social-share.php on line 74