Vitralizado

Posts por data outubro 2013

Cinema / Revistas

The Wall of Woody

Falando na Little White Lies, a edição dedicada a Blue Jasmine vem com quatro páginas compondo o painel aí em cima, com várias referências a filmes do Woody Allen. Só clicar na imagem pra ver ampliada. No papel não dá pra ter noção do tamanho real da obra da artista Ruby Taylor, mas saca esse vídeo publicado no canal da revista no Youtube pra você entender as verdadeiras dimensões da ilustração:

Cinema / Revistas

Little White Lies #50

Lwl50

Pela primeira vez sem a cabeça do protagonista de um filme ocupando sua capa, a Little White Lies chega ao número 50 com um selo prometendo uma edição especial. É uma das revistas mais legais sobre cinema e definitivamente uma das mais bonitas. O número redondo e a promessa de algo diferente permitem altas expectativas. No aguardo.

Cinema

Todas as cenas pós-créditos dos filmes da Marvel

ThorBlog

Listei pro site da Galileu todas as cenas pós-créditos apresentadas nos oito filmes da Marvel Studios, inclusive as duas presentes em Thor: Mundo Sombrio (mas bem no final do texto e com um aviso imenso de spoiler, beleza?). Amanhã volto com minha opinião sobre o filme novo do Deus do Trovão. Meu post tá aqui.

Todas as cenas pós-créditos dos filmes da Marvel

Tradição nas obras da editora, ‘Thor – O Mundo Sombrio’ apresenta duas cenas após o término do filme. Se você não viu as cenas dos outros filmes, nós fizemos uma lista com todas

por Ramon Vitral

Segundo filme do Deus do Trovão e oitavo longa dos estúdios Marvel a chegar aos cinemas, Thor – O Mundo Sombrio amplia uma das constantes nas adaptações ambientadas no universo cinematográfico dos Vingadores. Desde O Homem de Ferro (2008) o público está acostumado à presença de uma cena de curta duração acompanhando o fim do filme ou logo em seguida ao término dos créditos. Na continuação em cartaz a partir desta sexta-feira, 1 de novembro, estão presentes duas sequências extras.

Apesar de outros estúdios também incluírem cenas extras no final de suas obras, os filmes produzidos pela própria Marvel foram os primeiros a utilizarem o recurso de forma complementar à sua cronologia. Vale lembrar: o Universo Marvel dos cinemas é composto por apenas oito produções, todas protagonizadas por Vingadores. Os filmes dos X-Men, Quarteto-Fantástico, Demolidor e Elektra são propriedades da 20th Century Fox e os do Homem-Aranha pertencem à Sony.

Não precisa ficar preocupado, não vamos estragar a surpresa de ninguém. Deixamos a descrição das duas sequências lá pro fim do post, só legíveis se você quiser selecionar o trecho em branco. Enquanto você pensa se quer saber as surpresas guardadas nos créditos de O Mundo Sombrio, ou se quer relembrar após ter assistido, fique com uma retrospectiva de todas as cenas pós-creditos presentes nos sete filmes do Universo Marvel prévios ao novo Thor:

– Homem de Ferro (2008): a primeira cena pós-créditos da Marvel Studios reuniu Nick Fury (Samuel L. Jackson) e Tony Stark na casa do herói. O espião a serviço dos governos dos Estados Unidos se apresenta como diretor da S.H.I.E.L.D. e explica que a visita diz respeito à ‘Iniciativa Vingadores’.

– O Incrível Hulk (2008): agora é a vez de Tony Stark fazer uma aparição surpresa. Sem seu uniforme de super-herói, ele encontra em um bar com o General Ross, inimigo de Bruce Banner decepcionado com fracasso de sua tentativa de reviver o Soro do Supersoldado que deu origem ao Capitão América.

– Homem de Ferro 2 (2010): ao término da segunda aventura do Homem de Ferro somos levados ao deserto do Novo México, onde o agente Coulson da S.H.I.E.L.D. entra em contato com seus superiores para informar ter encontrado um misterioso artefato alienígena semelhante a um martelo.

– Thor (2011): autoridade científica no Universo Marvel, o Dr. Erik Selvig é levado a uma instalação secreta da S.H.I.E.L.D. e encontra com Nick Fury. O diretor da organização mostra ao cientista ter encontrado o Tessaract, uma fonte de poder infinito capaz de criar portas entre mundos, mas a dupla não está só…

– Capitão América: O Primeiro Vingador (2011): a sequência mostra Steve Rogers, o Capitão América, sozinho, treinando boxe em uma academia. Ao término do treino, Nick Fury chega ao local e chama o soldado para ajudar a salvar o mundo.

– The Avengers – Os Vingadores (2012): após salvarem o mundo de uma invasão alienígena, os heróis ganham um descanso e vão a uma pequena lanchonete de Manhattan descobrir o que é um shawarma.

– Homem de Ferro 3 (2013): pela segunda vez seguida, uma cena de alívio cômico. Narrado em primeira pessoa, o terceiro Homem de Ferro revela ser em seus instantes finais uma sessão de terapia de Stark com o doutor Bruce Banner, também conhecido como Hulk.

Agora é por sua conta e risco – o conteúdo das cenas pós-crédito de Thor – O Mundo Sombrio:

A primeira das cenas extras faz referências a ‘Guardiões da Galáxia’. Previsto para sair em agosto de 2014, o longa mostra um grupo de heróis intergaláticos da Marvel Comics. A sequência mostra dois amigos de Thor entregando uma poderosa arma interplanetária ao Colecionador. Interpretado por Benício del Toro, no quadrinhos o personagem é uma entidade cósmica obcecada por reunir criaturas e objetos raros perdidos pela galáxia. A outra cena mostra o retorno de Thor à Terra, para ficar com sua amada Jane Foster. Em seguida, aparece um monstro alienígena perdido em Londres, preso na Terra após atravessar um dos muitos portais interplanetários surgidos ao longo do filme.

Cinema

O trailer de relançamento de Star Wars em 1978

SW1978

Ok, acho que perdi a aposta né? Hoje é dia 30, aniversário de um ano da compra da LucasFilm pela Disney e a quarta 4ª seguida com trailers sendo postados no canal de Star Wars no Youtube. Acreditava que poderíamos ver pelo menos um teaser do Episódio VII, mas publicaram o trailer do relançamento do Episódio IV nos cinemas em 1978. Mas de boa, poderia ter sido pior, como um trailer de A Ameaça Fantasma. Continuemos no aguardo.

HQ

Sandman Overture chega ao Brasil no primeiro semestre de 2014

Escrevi pro site da Galileu sobre o lançamento de Sandman Overture, o quadrinho que marca o retorno do Neil Gaiman ao universo do Sonho e seus irmãos Perpétuos. Fiz uma pequena retrospectiva sobre a carreira de Gaiman, da editora Karen Berger e do artista Dave McKean e revelo com exclusividade que a Panini pretende lançar as seis edições da série no Brasil ainda no primeiro semestre de 2014. Negócio é esperar a versão brasileira né? Meu texto tá aqui.

‘Sandman Overture’: o retorno do cultuado título

Primeira edição da mini-série em seis capítulos chega aos EUA nesta quarta-feira, 30; lançamento celebra 25 anos da série

por Ramon Vitral

A primeira edição da mini-série em seis capítulos que marca o retorno do cultuado título Sandman às lojas de quadrinhos e livrarias será lançada nesta quarta-feira, 30 de outubro, nos Estados Unidos. Ainda sem tradução definida, Sandman Overture está agendada para chegar no Brasil no primeiro semestre de 2014, segundo os editores nacionais da Panini Comics. Anunciado no último mês de junho em uma matéria publicada no jornal The New York Times, o especial marca o início das celebrações dos 25 anos da série lançada em janeiro de 1989, criada pelo escritor inglês Neil Gaiman e protagonizada pelo personagem Sonho, também como conhecido como Morfeus.

Segundo o próprio Gaiman, o quadrinho ilustrado por J.H. Williams III mostrará os eventos prévios à primeira das 75 edições da série original, com o protagonista aprisionado no porão de um ocultista ao longo de várias décadas. Em março de 1996, quase sete anos após seu início, Sandman chegou ao fim como uma das obras mais importantes e influentes da indústria de quadrinhos norte-americanos. Definitiva para o meio, a revista estabeleceu novos nomes para os quadrinhos adultos produzidos em língua inglesa e lidos em todo o mundo.

Hoje um dos nomes mais importantes da cultura pop ocidental, Neil Gaiman é autor de sucessos de venda em várias mídias. Escritor de livros como Deuses Americanos, Coraline e o mais recente O Oceano no Fim do Caminho, Gaiman começou a chamar atenção do público em seguida a Sandman. Nascido na Inglaterra, ele trabalhou com jornalismo especializado em música, fez amizade com o quadrinista Alan Moore, escreveu pequenas histórias para a revista 2000 A.D. e impressionou o meio com Orquídea Negra para a DC Comics. Em seguida, veio a concepção de Sandman.

O convite para Gaiman criar seu título mais aclamado partiu de Karen Berger. Recém-aposentada do cargo máximo do selo adulto da DC Comics, Berger foi uma das responsáveis pela criação da Vertigo. Concebido em 1993, a marca passou a estar presente em clássicos lançados previamente à sua criação, como Monstro do Pântano e V de Vingança, ambos de de autoria de Alan Moore nos anos 80. O sucesso de Sandman permitiu que Berger lançasse outros títulos de temática adulta, como Os Invisíveis, Y – O Último Homem e Fábulas.

Com vários desenhistas ilustrando os roteiros de Gaiman, as capas mirabolantes do artista inglês Dave McKean foram a constante estética das 75 edições de Sandman. Ele iniciou a carreira no mundo dos quadrinhos com Gaiman, em Violent Cases e Orquídea Negra. Em seguida, publicou um dos maiores clássicos protagonizados por Batman, Asilo Arkham, escrito por Grant Morrison. Após o fim de Sandman, trabalhou no design de álbuns de músicos como Tori Amos, Alice Cooper e John Cale. Em 2005 lançou seu primeiro longa metragem, A Máscara da Ilusão, com roteiro de Gaiman.

Séries

As últimas páginas do roteiro do capítulo final de Breaking Bad

BBlogo

Vi lá na Vulture, que encontrou no Reddit: as duas últimas páginas do roteiro de Felina, o capítulo derradeiro de Breaking Bad. As fotos das páginas foram tiradas numa exposição do Austin Film Festival. Sem novidades do que consta na versão filmada, mas esclarece um pouco quanto aos desfechos de cada personagem. Claro, não chegue perto se ainda não assistiu ao episódio, combinado? Olha aí:

FelinaPenúltima

FelinaÚltima

Cinema / HQ / Marvel

O trailer de X-Men – Dias de um Futuro Esquecido

XMenDiasTrailer

E aí, gostou? Sempre achei promissor o retorno do Bryan Singer à série, mas também pensava que é gente demais pra um só filme. Em um trailer então, nem se fala. Do que vemos aí, dá pra concluir que a viagem no tempo não vai ser física, mas na cabeça do Wolverine. Boa solução. Mas taí, de teaser funciona muito bem, instiga. Agora é aguardar uma versão que exponha um pouco mais do enredo. Estreia prevista pra maio de 2014.